VULNERABILIDADE SOCIOAMBIENTAL A INCÊNDIOS FLORESTAIS NA AMAZÔNIA

Voltar

VULNERABILIDADE SOCIOAMBIENTAL A INCÊNDIOS FLORESTAIS NA AMAZÔNIA

Pesquisa Realizada por: Ana Larissa Ribeiro de Freitas

Ano: 2019

Linha: Gestão territorial para a proteção da biodiversidade

Bioma: Amazônia

Grandes incêndios têm ocorrido nos últimos anos na Amazônia que impactaram a floresta e a vida das populações. Estes incêndios na maioria das vezes são originados por atividades humanas, mas intensificados por condições naturais como diminuição das chuvas, aumento na temperatura, dentre outros.

Assim, o objetivo deste projeto é determinar a vulnerabilidade socioambiental à incêndios florestais em comunidades tradicionais. Os estudos serão feitos na Floresta Nacional do Tapajós e na Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns, no Estado do Pará. Para isso serão analisadas imagens de satélite a fim de estabelecer  o comportamento do fogo e as forçantes ambientais que o influenciam entre os anos de 1995 e 2020.

Utilizarei também metodologias participativas visando entender sob a perspectiva destas comunidades, como estes eventos de incêndios florestais impactam os seus modos de vida e meio ambiente. Desta forma construiremos – juntos – conhecimentos e procedimentos que permita o do uso do fogo na agricultura. Ao mesmo tempo, também procuramos algo que diminua os riscos e impactos associados a ocorrência de incêndios florestais.

Espera-se com o final desta pesquisa contribuir para uma gestão territorial sustentável em função da prevenção dos impactos socioambientais dos incêndios florestais na Amazônia.

Biografia:

Sou Ana Freitas, Geógrafa pela Universidade Federal do Ceará (2013-2017), e mestranda em Sensoriamento Remoto pelo Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (2019). Sempre tive interesse na integração do conhecimento técnico-científico aos saberes tradicionais, importantes na construção de medidas efetivas para promover conservação dos territórios em consonância com o desenvolvimento sustentável. Desde 2015 desenvolvo estudos participativos em Unidades de Conservação na Amazônia, e em 2019 inseri nas discussões a importância do uso do fogo para o manejo das áreas agropecuárias.

Videos

Fotos

Biblioteca

Documento: Ana Freitas - Projeto de Pesquisa

mapa

Expandir o mapa