ESTUDO DE ORQUÍDEAS DO GÊNERO SCAPHYGLOTTIS OCORRENTES NO BRASIL

Voltar

ESTUDO DE ORQUÍDEAS DO GÊNERO SCAPHYGLOTTIS OCORRENTES NO BRASIL

Pesquisa Realizada por: Adriane Maciel de Araújo

Ano: 2020

Linha: Conservação manejo e uso sustentável de fauna e flora

Bioma: Amazônia


Nível Acadêmico: Doutorado

 A família Orchidaceae tem distribuição cosmopolita e possui ca. 25.000 espécies. A subfamília com maior diversidade dentro da família é Epidendroideae, sendo Laeliinae uma subtribo que se destaca na região neotropical com 38 gêneros e 2.000 espécies. O gênero Scaphyglottis, presente nesta subtribo, possui 78 espécies e apresenta frequentemente flores pequenas e não vistosas, o que geralmente dificulta o processo de identificação.

No Brasil são encontradas 13 espécies, 11 com ocorrência no domínio fitogeográfico da Amazônia, porém a delimitação de alguns táxons ainda não é definida. Vale ressaltar a perda constante de habitats, e também coletas ilegais por colecionadores de orquídeas, o que ameaça as populações desse gênero. Esse estudo buscará analisar a delimitação de espécies dentro do gênero numa abordagem multidisciplinar. Propomos desenvolver uma abordagem integrativa, considerando estudos citogenéticos, morfométricos e de espectroscopia do infravermelho próximo (FT-NIRS) para identificar espécies do gênero Scaphyglottis.

A partir desse conjunto de evidências pretendemos propor uma delimitação para as espécies, com base na variação observada, e pretendemos também: criar mapas de distribuição, produzir descrições morfológicas, chave de identificação, além de indicar os status de conservação. Para as análises citogenéticas espécimes vivos provenientes de expedições de campo serão mantidos em cultivo.

Para os demais métodos utilizaremos espécimes oriundos de herbários brasileiros e estrangeiros. Como resultado espera-se atualizar a taxonomia das espécies de Scaphyglottis brasileiras e apresentar o NIRS como uma nova ferramenta para auxiliar na identificação de espécies de orquídeas. 

 

Currículo Lattes

Biografia:

Me chamo Adriane Maciel de Araújo, de Manaus – Amazonas. Possuo graduação em Ciências Biológicas - Universidade do Estado do Amazonas - UEA (2020), atualmente sou mestranda no Programa de Pós-Graduação em Botânica do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA). Trabalho com orquídeas desde a graduação, com projetos fenológicos e de taxonomia. No mestrado atuo com sistemática integrativa de Scaphyglottis ocorrentes no Brasil. A bolsa de mestrado é financiada pela CAPES, e o projeto é financiado pelo FUNBIO e Humanize.

Vídeos

Fotos