SEMEANDO ESPÉCIES NATIVAS PARA A RESTAURAÇÃO DO PAMPA

Voltar

SEMEANDO ESPÉCIES NATIVAS PARA A RESTAURAÇÃO DO PAMPA

Pesquisa Realizada por: Rosângela Gonçalves Rolim

Ano: 2018

Linha: Recuperação de paisagens e áreas degradadas

Bioma: Pampa

Os campos do bioma Pampa, no Rio Grande do Sul (RS), apresentam grande biodiversidade, com mais de 2.000 espécies de plantas, muitas delas com usos medicinais, alimentícios, ornamentais. Nestes campos desenvolveu-se a cultura do gaúcho e uma das principais atividades econômicas do RS: a pecuária. Por isso, atualmente restam menos de 20% de campos bem conservados, o que torna a restauração do Pampa algo de extrema importância.

No entanto, há poucos estudos e experiências de recuperação da vegetação campestre no Estado. A falta de sementes e mudas disponíveis no mercado é um fato que dificulta seriamente a restauração do Pampa. Com isso, a utilização de sementes obtidas diretamente no campo poderia suprir parte desta lacuna.

Portanto, este trabalho propõe avaliar quais espécies nativas podem apresentar maior sucesso na restauração da vegetação campestre, por 3 principais meios: (1) verificar, por meio de revisão bibliográfica, quais espécies nativas ocorrem tanto em ambientes conservados quanto em degradados, pois poderiam ter melhores resultados para a restauração; (2) avaliar a taxa de emergência e estabelecimento de 25 espécies nativas comuns; (3) testar por quanto tempo as sementes destas espécies permanecem viáveis após a coleta. Ao final, será elaborado material de divulgação sobre o tema. Esse projeto irá auxiliar no processo de restauração do bioma, que será possível graças ao apoio do Programa Bolsas FUNBIO – Conservando o Futuro.

 

Currículo Lattes

Biografia:

Sempre me interessei por plantas, animais e saúde. Por isso estudei Ciências Biológicas e me dedico a tentar fazer o possível para melhorarmos a vida no planeta. Trabalhei com diversos temas que envolveram educação ambiental, divulgação científica, recuperação de áreas degradadas, produção de mudas nativas e com licenciamento ambiental. Cursei mestrado Profissional em Ambiente e Sustentabilidade pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS) e atualmente desenvolvo doutorado em Botânica na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Videos

Fotos

Biblioteca

Documento: Rosângela Rolim - Projeto de PEsquisa