Conservação do Babaçu nas Serras da Meruoca e da Ibiapaba

voltar

Sobre o subprojeto

Instituição Responsáveis: Instituto de Ecologia Social Carnaúba

O Projeto teve atuação no estado do Ceará, nos municípios de Meruoca, Massapê, Graça, Tianguá e Viçosa do Ceará. Juntos, esses municípios têm uma população de cerca de 187 mil habitantes. O principal objetivo da iniciativa foi desenvolver ações socioambientais e econômicas da cadeia produtiva do babaçu, por meio do fortalecimento da agricultura familiar e o agroextrativismo para garantir a segurança alimentar e nutricional, energética, geração de renda e trabalho e organização comunitária e associativa.

Entre as atividades realizadas, mobilização e sensibilização das famílias, formação dos grupos de interesses, introdução de nova tecnologia social nos grupos e aquisição de uma máquina para quebra de coco.

"“Tivemos a possibilidade de revitalizar a cultura do babaçu em nosso território (no Ceará). Conseguimos dar um viés econômico e ambiental a essa cultura, que é nativa da região e estava esquecida. Realizamos muitos dias de campo e trabalhamos a troca de conhecimentos, de saberes e também de sabores. Fizemos seminários para fortalecer a organização social das comunidades. Com o fim do projeto, elas já são autossuficientes para se apropriar dos conhecimentos e dar continuidade à cadeia produtiva do babaçu”.

Francisco Osvaldo Aguiar (Instituto de Ecologia Social Carnaúba)
"

Situação

Concluído

Ano início

2011

Bioma

Caatinga

mapa de atuação

Veja onde estão nossos Programas e Projetos

Expandir o mapa