GEF MAR

voltar

O que é

Foto: Foz do Rio Manguaba, Área de Proteção Ambiental Costa dos Corais, Iran Normande

 

O Brasil ultrapassou a meta de proteger 10% de suas áreas marinhas protegidas. Com apoio do projeto Áreas Marinhas e Costeiras Protegidas (GEF Mar), em 2018, quatro novas unidades de conservação (UCs) federais foram criadas, um salto de 1,5% para 26,3%, cerca de 940 mil Km², área maior que a dos estados de Goiás e Minas Gerais juntos. Cerca de 1,2 mil espécies de peixes, 100 de aves marinhas e mais de 50 de mamíferos marinhos vivem na costa do Brasil.

O GEF Mar é um projeto coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente financiado com recursos do GEF por meio do Banco Mundial e tem o Funbio como gestor financeiro. Em outubro de 2018, o projeto recebeu aporte de recursos provenientes do Termo de Compromisso entre Petrobras e  IBAMA,  como parte da compensação ambiental para adequação das plataformas marítimas de produção da empresa em relação ao descarte de água de produção, conforme conteúdo constante do Processo IBAMA 02001.000128/2018-26.

A iniciativa tem entre os principais objetivos, buscar mecanismos para a sustentabilidade financeira das unidades de conservação marinhas e costeiras do Brasil. Até o momento o GEF Mar apoia 17 unidades de conservação (UCs), cerca de 1,6 milhão de hectares e sete centros de pesquisa.

Situação

Em Andamento

Ano início

2014

Bioma

Marinho Costeiro

Ver mapa de atuação.
17

UNIDADES DE CONSERVAÇÃO APOIADAS

1,6

MILHÃO DE HECTARES

7

CENTROS DE PESQUISA

9

ESTADOS ALCANÇADOS

65

BOLSISTAS APOIADOS

Parceiros

Nome da empresa

mapa de atuação

Unidades de conservação apoiadas pelo Áreas Marinhas e Costeiras Protegidas

Expandir o mapa