Projeto de Conservação do Papagaio-de-cara-roxa

voltar

Sobre o subprojeto

Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental – SPVS

As ações do projeto aconteceram no litoral norte do Paraná, no Município de Guaraqueçaba. Um dos locais de maior concentração de papagaios-de-cara-roxa, cerca de 70% da população utiliza essa região como dormitório, sítio reprodutivo e local de forrageamento. Teve como principal objetivo proteger importantes sítios reprodutivos do papagaio-de-cara-roxa nos estados do paraná, São Paulo e Santa Catarina.

Entre os principais resultados do apoio estão, o monitoramento e proteção de três importantes sítios reprodutivos do Papagaio no estado do Paraná no período reprodutivo de 2012-2013, a instalação e monitoramento dos 20 ninhos na Reserva Natural do Itaqui, 10 ninhos na região da Caçada e 10 no Rio do Santo, a realização do 10° censo anual da espécie no estado do Paraná em 2012, resultando em 4141 indivíduos. A realização do 11° censo anual da espécie no estado do Paraná e no litoral sul de São Paulo em 2013, registrando 5160 indivíduos no Paraná e 928 indivíduos em São Paulo, o registro de poucos indivíduos de Papagaio-de-cara-roxa no litoral sul do Paraná, em Guaratuba. E nenhum registro no norte de Santa Catarina, em São Francisco do Sul, Baia da Babitonga e Itapoá, a capacitação de 67 professores do ensino fundamental do município de Guaraqueçaba, litoral norte do Paraná no início de 2012, a fim de motivar a abordagem da temática ambiental de forma interdisciplinar e o acompanhamento dos professores que demonstraram interesse em realizar atividades de educação ambiental em suas escolas, fornecendo material necessário.

Foto: Zig Koch

Situação

Concluído

Ano início

2011

Bioma

Mata Atlântica

mapa de atuação

Veja onde estão nossos Programas e Projetos

Expandir o mapa